quarta-feira, 5 de julho de 2017

✫ BIG Festival 2017: Entrevista com Sandro Casarini do Petty Lee e seus amigos ✫


Durante o evento BIG Festival de 2017, no Centro Cultura de SP, Amanda Reznor, escritora e apresentadora do Criador de Mundos na Rádio Geek, realizou cobertura por meio de entrevistas com os participantes.

Nesta entrevista: Amanda fala com Sandro Casarini, da equipe do desenho Petty Lee e seus amigos, sobre preocupações da empresa e futuros projetos envolvendo a personagem Petty Lee.

Na foto do vídeo: Amanda Reznor e Sandro Casarini.


Links:

Página Petty Lee no Face: https://www.facebook.com/petty.lee.e.seus.amigos/
Canal no YouTube: https://www.youtube.com/channel/UC-Gr0wkSbvuLtrvUWRTdt6g
Twitter: www.Twitter.com/pettyleeoficial
Instagram: www.Instagram.com/petty.lee.e.seus.amigos
comKids Prix Jeneusse 2017: http://comkids.com.br/festival-2017/
.
BIG Festival: https://www.facebook.com/BIGBIGFESTIVAL/
Criador de Mundos: https://www.facebook.com/criadordemundos/
Amanda Reznor: https://www.facebook.com/writer.amandareznor/
.
Transcrição da Entrevista (com legenda em inglês e português no vídeo acima):

Amanda: Olá, pessoal, tudo bem? Eu sou Amanda Reznor, do Criador de Mundos, e estou aqui no Big Festival fazendo uma cobertura para vocês. Agora, ao meu lado, Sandro Casarini vai falar um pouquinho do Petty Lee e seus amigos. Tudo bem, Sandro?
Sandro: Tudo bem, Amanda. Primeiramente boa tarde, e obrigada pelo espaço aqui para a gente.
Amanda: Magina! E eu gostaria de saber um pouco mais desse projeto, como é que é o Petty Lee, você me falou que é um desenho, né?
Sandro: Isso, é um desenho animado, mas também é uma série de livros, a gente também tem uma página no Facebook (inclusive, para quem quiser acompanhar, é facebook.com/pettyleeeseusamigos). É um nome bem internacional, bem global, justamente para englobar essa cultura global que se forma hoje em dia, cada vez com menos fronteiras, cada vez mais globalizada.
Amanda: Pode deixar que a gente depois deixa o link lá na página do Criador, fica mais fácil de os ouvintes encontrarem!
Sandro: Ah, que bacana, tá ótimo. E a PEtty Lee começou como tirinhas, na verdade, no Facebook, e a Folha de Londrina se interessou por publicar as tirinhas no portal online deles, na época, e a gente publicou lá durante 6 meses, em 2014. E aí com o sucesso das tirinhas, que foi aumentando o número de seguidores, o pessoal começou a curtir e dar um feedback positivo também para a Folha de Londrina, uma editora chamada DVS se interessou em lançar livros da marca, até porque a gente viu uma necessidade espontânea de isso acontecer (alguns fãs das tirinhas no Facebook começaram a perguntar: "por que vocês não lançam livros?", "pode ser legal um livro infantil da Petty Lee", e tal). E aí eles começaram a se identificar com a personagem e ficou mais fácil convencer a editora, que já estava interessada, de fazer / lançar o primeiro livro. E foi lançado o primeiro livro, em 2015, e com o sucesso do primeiro livro começou aquela coisa natural - o primeiro livro foi bem, vamos fazer um outro! E aí veio o segundo livro, no ano passado, em 2016, inclusive a gente lançou na Bienal do Livro em São Paulo, e foi um sucesso o evento - muita gente compareceu, a gente fez uma sessão de lançamento e de autógrafos com os autores, o pessoal apareceu para prestigiar. E com isso a gente conseguiu atrair a atenção de investidores para fazer uma série de desenho animado, que inclusive tá sendo lançado hoje, dia 29 de junho, na Playkids - que é o aplicativo de desenhos animados, exclusivo de desenhos animados (então para quem conhece ou para quem tem a assinatura da Playkids, pode dar uma conferida lá).
Amanda: Poxa, que bacana, e aí aqui no Big vocês estão interessados, ainda, em produzir um jogo baseado no Petty Lee, é isso?
Sandro: O jogo para a Petty Lee! Assim, como eu te falei, todos os passos de progressão da franquia estão se dando muito naturalmente, estão vindo através da necessidade e do interesse do público, então a gente está sentindo que tá na hora de vir o jogo da Petty Lee, que seja um jogo para console ou até mesmo, talvez, aplicativos para mobile, para celular, porque a gente vê que as crianças, hoje, praticamente nascem com o celular na mão, né?
Amanda: É verdade!
Sandro: Meus sobrinho de 10 meses já sabe mexer na telinha! Então a gente acha que é uma plataforma muito legal para interagir com a criança, e aí a gente pode aplicar nos jogos um conceito que já há na série como um todo (que é de uma preocupação com o conteúdo, de sempre trazer algo muito sutil, mas educativo, para a criança), para que se possa instruir a criança sobre alguns assuntos. Então, por exemplo, uma coisa muito legal que aconteceu nesse sentido foi que a gente agora, com um episódio de desenho animado que está sendo lançado, a gente entrou num festival que chama ComKids, que é o segundo maior festival do mundo de animação (o nome completo é comKids Prix Jeunesse, edição 2017), e ficamos entre os finalistas.
Amanda: Olha, que legal!
Sandro: Muito legal! e agora a gente vai representar o Brasil, que são 9 brasileiros na final do comKids, que vai ser em agosto, do dia 14 ao 19.
Amanda: Poxa, parabéns por essa conquista, Sandro, muito bacana!
Sandro: Muito obrigado, e parabéns para toda a equipe do Petty Lee, que está dando duro para chegar lá. E agora assim, com essa preocupação com o educativo, a gente atraiu o interesse de veículos que começam a se importar com isso, também, porque é uma coisa que não pode ser muito pesada (não pode deixar chato para a criança, como aquela coisa "estou te ensinando algo"), mas é importante que a mensagem esteja lá, para a gente poder criar os baixinhos da melhor forma possível.
Amanda: Sim, com certeza, e eu até tenho interesse também, porque tenho um filhinho de 3 anos que adora, também já está super ligado em celular, tablet, computador... Muito bacana, a gente vai então deixar todos os links para os ouvintes que estiverem interessados e para quem também puder, de repente, e tiver interesse em enviar o currículo, você acha que vale?
Sandro: Vale! A gente está sempre aberto a conhecer gente nova, trabalhos novos, isso é sempre importante para a gente. Até porque também estamos procurando, agora, uma editora, porque estamos com o projeto de expandir para quadrinhos, para fazer a série em quadrinhos da Petty Lee e seus amigos. Vamos torcer aí - jogo, quadrinhos, quem sabe? Muita coisa, muita novidade em breve.
Amanda: Maravilha, Sandro. Desejo muito sucesso para você e sua equipe e a gente vai se falando, espero que em agosto a gente também consiga participar e ver como vai ser a premiaçao, né?
Sandro: Por favor, por favor! A gente manterá vocês informados para poderem acompanhar, também. Muito obrigado mais uma vez, Amanda, e um abraço a todos que estão ouvindo. 
Amanda: Obrigada, Sandro, abração e até mais!

2 comentários:

Deixe sua sugestão, crítica, dúvida ou elogio aqui! =)